quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Paredes brancas.



Ela se jogou na cama.
Esgotou-se. Cansou sem pressa daqueles chás com os mesmos sabores, de pessoas que não sabem se inventar, e de sua namorada com assuntos inúteis.
Queria mergulhar no céu, e voar pelo mar.
Ela olhava pro teto tentando achar ali a resposta pra tanta loucura.
Se encolheu na cama, e resmungou pra si mesmo.
"o que tem de tão errado comigo?"

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. texto divino, uma garota divida. te amo exatamente do jeito que você é, mesmo não sendo fofa.

    ResponderExcluir